Robinho fala em 'jogo perfeito' para Cruzeiro reverter vantagem do Grêmio

Meia acredita que classificação contra gaúchos é possível

Estadão Conteúdo

31 Outubro 2016 | 18h10

O Cruzeiro precisará reverter uma imensa vantagem gremista se quiser ir à decisão da Copa do Brasil. Depois de perder por 2 a 0 em pleno Mineirão, o time celeste terá que fazer um "jogo perfeito" nesta quarta-feira, na Arena do Grêmio, se quiser se classificar. Pelo menos foi isso que avaliou o meia Robinho.

"Nós, jogadores, acreditamos muito que podemos reverter. Sabemos que tivemos um mau resultado no Mineirão. Respeitamos muito a equipe do Grêmio, mas, do mesmo jeito que eles vieram em Minas e fizeram um grande jogo, creio que nós temos time para fazer o mesmo na casa deles. O Cruzeiro é muito grande. Podemos ir até Porto Alegre e fazer esse jogo perfeito que precisamos para conseguirmos a classificação", comentou nesta segunda-feira.

Em caso de vitória por 2 a 0, o Cruzeiro leva o jogo para os pênaltis. Qualquer outro triunfo por dois gols de diferença dá a vaga ao time mineiro. Robinho sabe da necessidade de marcar gols e, por isso, pediu ofensividade desde os primeiros minutos ao lado celeste.

"Um gol no começo do jogo seria muito importante, mas temos 90 minutos para fazer dois gols para o jogo ir para os pênaltis ou três para classificarmos, claro, sem tomarmos. Precisamos fazer um grande jogo, criar as oportunidades que não criamos no Mineirão e segurar a equipe do Grêmio. Sabemos que eles jogam com muita movimentação, mas estamos trabalhando muito para podermos entender bem o jogo e conseguirmos fazer uma boa partida", comentou.

Mais conteúdo sobre:
Cruzeiro Robinho Grêmio Porto Alegre

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.