Bruno Cantini|Divulgação
Bruno Cantini|Divulgação

Robinho reclama de especulações que o ligam ao Santos

'Será que eu tenho o dom da onipresença e eu não sei?', pergunta o atacante do Atlético-MG nas redes sociais

Estadão Conteúdo

16 de dezembro de 2016 | 09h45

Cresceram, nos últimos dias, as especulações de que Robinho poderia voltar para a Vila Belmiro. As notícias, porém, irritaram o atacante, que reclamou em suas redes sociais. No Instagram, negou que tenha se encontrado com dirigentes santistas em São Paulo na tarde de quinta-feira.

"Após passar a parte da manhã em casa no Guarujá, com minha família, passei parte da tarde no treino e em seguida passei a outra parte no Banco do Brasil, a qual até tirei fotos com alguns funcionários. É de se estranhar agora, no final do dia, de forma quase que simultânea, sair em vários veículos de comunicação notícias levianas", reclamou o atacante. "Será que eu tenho o dom da onipresença e eu não sei?", perguntou.

Robinho começou a carreira no Santos, levando o time ao título do Brasileiro de 2012. Deixou o clube em 2005, para o Real Madrid, voltando em 2010, quando atuou ao lado de Neymar e Paulo Henrique Ganso. Foi para o Milan e retornou em 2014. Em meados de 2015, foi embora para a China.

Apesar das negociações com o Santos, a volta foi para o Atlético-MG, que ofereceu salários melhores. A torcida santista não gostou e vaiou bastante o ídolo na Vila Belmiro, no confronto do Brasileirão, o primeiro dele contra o Santos na carreira. Nesta quinta, havia a possibilidade de ele voltar ao estádio para um jogo festivo do amigo Narciso. Ele, entretanto, não apareceu.

 

 

Desde que sai de férias, tenho feito treinamento diário para manter a forma e o foco, inclusive aos sábados e domingos, pois só assim os resultados aparecem. Hj não foi diferente. Após passar a parte da manhã em casa no Guarujá com minha família, passei parte da tarde no treino e em seguida passei a outra parte no BB, a qual até tirei fotos com alguns funcionários. É de se estranhar agora no final do dia, de forma quase que simultânea, sair em vários veículos de comunicação notícias levianas, que geralmente, antes de publicarem, costumam ouvir a outra parte para verificar a veracidade, fato que não ocorreu. Será que vale tudo mesmo por uma notícia? Vale tudo pelo "ibope"? Será que não pensam no impacto que uma notícia leviana pode causar, principalmente qdo envolve torcida, clube, família, emoção...? Lamentável! Deixo duas perguntas no ar: 1 - será que eu tenho o dom da onipresença e eu não sei? 2 - será que eu realmente estava confirmado para algum compromisso hj e não fui? #etica #veracidade #respeito

Uma foto publicada por Robinho (@robinho) em

Tudo o que sabemos sobre:
Atlético-MGSantos FCRobinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.