Robinho se vê fora do ?quadrado mágico?

A condição de reserva no Real Madrid pode ter despertado em Robinho a suspeita de que o mesmo deve ocorrer na seleção brasileira. Ele admitiu hoje, pela primeira vez, que está em desvantagem na disputa de uma vaga na equipe para integrar o ?quarteto mágico?. Robinho disse não ter dúvidas da titularidade de Ronaldinho Gaúcho e Kaká. Indagado sobre qual seria a opção do técnico Carlos Alberto Parreira para o ataque, ele demonstrou pessimismo quanto à sua escalação. ?Corro por fora. Acho que vou ficar no banco. Ele tem à disposição o Ronaldo e o Adriano.? A declaração, no entanto, não valeria para o jogo de domingo, contra a Bolívia, em La Paz, pela penúltima rodada das eliminatórias do Mundial da Alemanha. Robinho acredita que pode começar a partida por causa da intenção de Parreira de deixar alguns atletas livres dos efeitos da altitude da capital da Bolívia ? a 3.600 metros acima do nível do mar. ?Não gostaria de ser poupado desse jogo. Tenho 21 anos e não posso temer altitude.? ?Com relação à formação do quarteto, acho que estou fora?, prosseguiu o atacante do Real Madrid, prevendo uma decisão de Parreira sobre o time que iniciará a temporada de 2006. Ele revelou que não terá dificuldades para adquirir força muscular a partir de um trabalho especial no clube. Luxemburgo quer que ele passe de 65 para 68 quilos. Escândalo ? A Máfia do Apito também foi abordada pelos jogadores da seleção, na apresentação em Teresópolis. Robinho lamentou o esquema de corrupção e disse que o assunto teve muita repercussão na Europa. O lateral Roberto Carlos criticou com veemência a atitude do árbitro Edílson Pereira de Carvalho, responsável por manipulação de resultados do atual Campeonato Brasileiro. Disse que Edílson tem de ser afastado para sempre do futebol e que seus atos são de extrema gravidade. Roberto, porém, defendeu uma nova chance para Edílson ?como homem?. ?Eu acho que ele deveria ser perdoado para tentar tocar a vida, mas em outra atividade.?

Agencia Estado,

05 de outubro de 2005 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.