Rocha implora por reação no Mogi

Recuperar os pontos perdidos dentro de casa e fugir definitivamente do rebaixamento. Essa é a principal missão que o técnico Pedro Rocha vem exigindo de seus jogadores na reta final do Campeonato Paulista da Série A-1.Com apenas 11 pontos em 10 jogos e à frente apenas da Matonense na tabela de classificação, o Mogi necessita urgentemente somar o máximo de pontos possíveis nos cinco jogos que restam. O técnico vem pedindo empenho aos jogadores, mas sabe que só isso não basta. "Nosso time está sem poder de reação, mas precisa buscar esses pontos. Só assim poderemos ficar mais tranqüilos", disse o uruguaio.Para o jogo de domingo, diante do União São João, em Mogi Mirim, o atacante Jó e o zagueiro Fábio Paulista são os desfalques. Ambos receberam o segundo cartão amarelo na partida passada, diante do Corinthians. Sandro Paulista entra na vaga de Fábio, mas Pedro Rocha ainda não definiu quem substitui Jó. Existem duas possibilidades: Denis e Maia.O retrospecto, porém, não é bom. Até agora, o Mogi ainda não venceu no estádio Wilson Fernandes de Barros. Foram cinco partidas disputadas em casa, com três empates, para Rio Branco (2 a 2), Inter (2 a 2) e Barbarense (1 a 1), e duas derrotas, contra São Paulo (1 a 0) e Corinthians (3 a 0).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.