Rodada define Austrália como rival do Brasil nas oitavas do Mundial Feminino

Classificada por antecipação já como líder de sua chave, a seleção brasileira conheceu nesta terça-feira, mesmo antes de encerrar a sua participação na fase de grupos, a sua adversária nas oitavas de final do Mundial de Futebol Feminino, que está sendo realizado no Canadá. Será a Austrália, que empatou com a Suécia por 1 a 1, em Edmonton, e ficou com a segunda colocação do Grupo D.

Estadão Conteúdo

16 de junho de 2015 | 22h40

A igualdade deixou as australianas com quatro pontos, um a mais que as suecas, que só empataram nesta fase de grupos. A liderança ficou com os Estados Unidos, que chegaram a sete pontos ao derrotarem a Nigéria, eliminado com só um ponto, por 1 a 0, em Vancouver.

Nesta quarta-feira, o Brasil enfrenta a Costa Rica, às 20 horas (de Brasília), em Moncton, pela última rodada do Grupo E, mas já sabe que jogará contra a Austrália no próximo domingo, às 14 horas, pelas oitavas de final, na mesma cidade. Nas quartas, a seleção comandada pelo técnico Osvaldo Alvarez, o Vadão, poderá encontrar o Japão, atual campeão mundial.

As japonesas confirmaram nesta terça-feira a primeira colocação do Grupo C, com 100% de aproveitamento, ao ganharem do Equador por "apenas" 1 a 0, em Winnipeg. Apenas porque nas partidas anteriores, as equatorianas haviam perdido por 10 a 1 e 6 a 0. O segundo lugar ficou com Camarões, que bateu de virada a Suíça por 2 a 1, em Edmonton.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.