Erico Leonan/SPFC
Erico Leonan/SPFC

Rodrigo Caio estende contrato com o São Paulo até 2021

Negociação se arrastava desde outubro de 2016

O Estado de S.Paulo

27 de março de 2017 | 15h46

Após longa negociação, o zagueiro Rodrigo Caio enfim acertou a renovação do seu contrato com o São Paulo nesta segunda-feira. Valorizado nas últimas janelas de transferência do futebol internacional, o jogador assinou vínculo até 2021 - o anterior teria fim em outubro de 2018. O contrato vinha sendo negociado desde outubro do ano passado.

"A renovação de contrato do Rodrigo Caio é importante para a estrutura do nosso futebol, porque reforça nosso compromisso em ter uma equipe forte e vencedora. Trata-se de um atleta de postura exemplar, qualidade técnica indiscutível e que tem nossas cores em toda sua formação como jogador", declarou o presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

Rodrigo Caio vem se valorizando nos últimos meses, e não somente pela conquista da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Titular daquela seleção olímpica, ele fora cotado por grandes clubes da Europa, como Sevilla, Atlético de Madrid e Hamburgo na última janela de transferência. O jogador esteve perto de rumar para o time de Madrid, mas as negociações falharam de última hora.

"É uma alegria muito grande renovar o meu vínculo com o clube. Toda a minha família é são-paulina, e fico feliz pela valorização do São Paulo. Espero ficar mais tempo aqui e conquistar títulos para marcar o meu nome na história do São Paulo, porque este é o meu principal objetivo", comemorou o zagueiro, que também atua como volante.

Apesar dos 23 anos, Rodrigo Caio já tem status de veterano no clube. Afinal, é o jogador do atual elenco com mais jogos disputados pelo São Paulo. São 213 partidas. "O São Paulo representa muito na minha carreira. Fora do campo, também devo muito ao clube pelo suporte que me deu desde os meus 12 anos de idade. O São Paulo ajudou bastante na minha formação como cidadão e me acolheu muito bem. Sou cria da casa."

Antes de renovar o contrato do defensor, o clube já havia acertado novos vínculos com Bruno, Thiago Mendes, Cueva, Lucas Fernandes e Luiz Araújo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.