Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Rodrigo Caio fora? Hernanes vindo? O dia do mercado no São Paulo

Zagueiro é especulado em rival brasileiro; Profeta e clube do Morumbi tentam dobrar chineses

Redação, O Estado de S. Paulo

28 de dezembro de 2018 | 18h43

O São Paulo continua sendo destaque na janela de transferências para a temporada 2019. Após contratar Pablo, desejado por equipes do Brasil e do exterior, o clube virou assunto duas vezes nesta sexta-feira por conta de possíveis negociações em andamento. Uma envolve a saída do zagueiro Rodrigo Caio. Outra, o retorno do meia Hernanes.

Sobre o defensor, que já demonstrou publicamente sua mágoa com as críticas recebidas no Morumbi, a sondagem do Flamengo, que veio à tona no início do mês por indicação do ex-técnico Dorival Júnior, ganhou força. Alvo também de Santos e Grêmio, o atleta de 25 anos estaria interessado no projeto do Rubro-Negro, que acabou de trocar de presidente e parece empenhado em reforçar o elenco com nomes de peso – Gabigol e Dedé também têm sido especulados.

Procuradas pela reportagem do Estado, as assessorias do São Paulo e da presidência do Flamengo negaram que os clubes estejam em negociação.

Já o caso de Hernanes é mais complexo. Após duas passagens pelo São Paulo, sendo a última em 2017, o Profeta, como é chamado pela torcida, está interessado em vestir a camisa tricolor novamente. O problema é convencer os chineses do Hebei Fortune a reduzirem o valor da transação.

O meia tem contrato com o clube asiático até dezembro de 2019, e não houve, até o momento, conversas para uma renovação, o que ajudaria o São Paulo. Isto porque a partir de junho, ou seja, seis meses antes do encerramento do vínculo, ele estará livre para firmar pré-contrato com outro time. Assim, a atual janela poderia representar a última chance de o Hebei faturar com o jogador e não correr o risco de perdê-lo de graça futuramente. Mesmo assim, o negócio é considerado difícil pelos brasileiros.

Nesta sexta, o ex-são-paulino Petros ajudou a alimentar a esperança da torcida ao comentar um vídeo que Hernanes postou em suas redes sociais. Entenda o caso aqui.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.