Maurício Rummens / Estadão Conteúdo
Maurício Rummens / Estadão Conteúdo

Rodrigo Caio garante que lesão não vai tirá-lo de jogo com o Cruzeiro

São Paulo enfrenta time mineiro na quinta-feira, pela Copa do Brasil

Paulo Favero, O Estado de S. Paulo

10 de abril de 2017 | 07h00

O volante Rodrigo Caio deu um susto no torcedor do São Paulo ao sair machucado no primeiro tempo da partida com o Linense. Mas ele acalmou os fãs e minimizou a torção que sofreu no pé direito, depois de subir para afastar uma bola de cabeça. Ele espera que nesta segunda-feira esteja em condições de treinar com seus companheiros.

“O médico me falou que não foi nada grave, que não vou precisar fazer exame, agora vamos ver como vou reagir, mas estou me sentindo bem melhor, pois logo iniciei o tratamento. Espero poder treinar normalmente”, disse. “Espero que esteja bem quinta-feira e possa ajudar o São Paulo”, continuou.

O próximo desafio da equipe é contra o Cruzeiro, time que ainda não perdeu na temporada, pela Copa do Brasil. Os jogadores sabem que será um grande teste para o São Paulo e o técnico Rogério Ceni já avisou que não pretende poupar mais ninguém. Isso porque ele vinha fazendo rodízio no grupo para evitar lesões.

“Meu elenco não é dos mais experientes, mas rodamos bastante para jogar de igual para igual com times mais experientes, com folhas de pagamento mais altas, com três jogadores por posição. Espero que agora consigamos ter uma competição de igual para igual com esses times, como o Cruzeiro", avisou o comandante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.