Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Rodrigo Caio não se abala com falha no São Paulo

Jogador se redimiu na própria partida participando de um dos gols de Antônio Carlos

AE, Agência Estado

31 de outubro de 2013 | 19h14

SÃO PAULO - Um dos destaques do time do São Paulo nos últimos jogos, o volante Rodrigo Caio falhou no lance que originou o primeiro gol do Atlético Nacional na vitória são-paulina por 3 a 2, quarta-feira, no Morumbi, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. Mas o jogador não se abalou, conseguindo se redimir na própria partida contra o time colombiano, ao participar de um dos dois gols marcados por Antônio Carlos.

"É muito triste quando a gente erra. Dentro de campo, procuro sempre acertar para ajudar o time, mas errei naquele lance. Depois, quando cabeceei e vi o Antônio Carlos marcando o gol, fiquei muito feliz e consegui ajudar o time", disse Rodrigo Caio, ressaltando a importância da vitória para a disputa do jogo de volta, na semana que vem, em Medellín, na Colômbia - o São Paulo precisa agora de um empate para avançar.

"Aprendi que a gente sempre precisa ter um pouco mais de atenção. Não é pelo erro que não podemos fazer mais, porque treinamos isso diariamente e o treinador pede pra sairmos jogando. Infelizmente, naquele lance eu não vi o atacante", lembrou o volante de 20 anos, titular do São Paulo. "Mas já levantei a cabeça, porque nós temos que aprender com os próprios erros. O mais importante foi a vitória do time."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCRodrigo Caio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.