Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Rodrigo e Renato Cajá são punidos pelo STJD e desfalcam Ponte Preta contra Bahia

Após julgamento, zagueiro e meia devem cumprir mais um jogo de suspensão

Estadao Conteudo

10 de julho de 2017 | 19h18

A Ponte Preta sofreu duas baixas consideráveis para a partida desta quarta-feira contra o Bahia, às 19h30, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), pela 13.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O zagueiro Rodrigo e o meia Renato Cajá cumprem mais um jogo de suspensão. Eles foram julgados pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio, pelas expulsões na derrota diante do Palmeiras, há duas semanas.

A pena foi de dois jogos. Como eles cumpriram a automática no empate sem gols com o Avaí, em Florianópolis, os dois têm mais uma partida a cumprir. O departamento jurídico do clube descartou entrar com um pedido de efeito suspensivo por considerar a pena justa.

A punição para Renato Cajá e, principalmente, Rodrigo foi pequena perto do que poderia acontecer. Ambos foram expulsos no fim do jogo contra o Palmeiras pelo árbitro mato-grossense Wagner Reway, do quadro da Fifa.

Além disso, o clube também foi para o banco dos réus devido a um copo arremessado pela torcida em direção ao trio de arbitragem na saída do gramado. Como o torcedor acabou sendo identificado, o clube escapou de perder mando de campo e recebeu uma multa de apenas R$ 1 mil.

A reapresentação dos jogadores aconteceu nesta segunda-feira, quando houve um treino leve. Os reservas fizeram um jogo-treino contra o time sub-20 e perderam por 2 a 0. O técnico Gilson Kleina deixou para definir a equipe nesta terça, quando haverá um tático. Mas Kadu deve entrar na defesa e Léo Artur pode voltar ao meio de campo.

Com 15 pontos, a Ponte Preta ocupa a 13.ª posição. O objetivo é buscar a reabilitação após a derrota por 2 a 0 para o líder Corinthians, no sábado passado, em São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaSTJD

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.