Rodrigo Souto não vê problemas em jogar na zaga

Improvisado mais uma vez no time do São Paulo, o volante Rodrigo Souto não vê problemas em ser escalado na zaga para o jogo deste domingo, contra o Oeste, em Mogi Mirim. O jogador diz estar pronto para reforçar a desfalcada defesa são-paulina, poupada para a partida contra o Goiás, na quarta, pela Copa do Brasil.

AE, Agência Estado

16 de abril de 2011 | 11h45

"Todo mundo gosta de atuar na posição de origem, mas não vejo problema de atuar na zaga. Estou aqui para ajudar meus companheiros no que precisar. Sempre estarei à disposição. O importante é estar no grupo", afirma o volante, que já havia sido improvisado na zaga no duelo com o Noroeste, no final de semana passado.

Souto havia voltado ao time diante do Noroeste após ser cortado do jogo contra o Santa Cruz, pela Copa do Brasil, por ter marcado um gol contra na partida de ida. Agora, o volante espera manter seu espaço na equipe e reconquistar a confiança do técnico Paulo César Carpegiani.

"Independentemente de onde jogar, eu estou preparado para mostrar o meu trabalho. Quero conseguir uma sequência no time e mostrar meu melhor futebol", avisa Souto, que jogará ao lado de Xandão e Rhodolfo na defesa.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão PauloRodrigo Souto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.