Paulo Whitaker / Reuters
Paulo Whitaker / Reuters

Rodrygo celebra 4º lugar em votação de melhor jogador sub-21: 'Enorme satisfação'

Atacante do Santos parabeniza Mbappé e destaca boa colocação no prêmio tendo apenas 17 anos

O Estado de S.Paulo

04 Dezembro 2018 | 16h51

Único representante brasileiro na relação de dez finalistas do Troféu Kopa, distribuído pela revista France Football ao melhor jogador do mundo com menos de 21 anos, Rodrygo viu a prestigiosa publicação francesa premiar Kylian Mbappé. Mas o resultado final da votação, que o deixou em quarto lugar, o encheu de orgulho. E o jovem atacante santista manifestou a sua felicidade em publicação nas redes sociais.

"Enorme satisfação em minha primeira temporada e aos 17 anos estar entre os dez melhores sub-21 do mundo, em premiação da France football, ficando em quarto lugar e sendo representante do Brasil e do Santos. Parabéns ao ídolo Mbappe pelo primeiro lugar e a todos os demais", publicou Rodrygo em seu perfil no Twitter, também elogiando o atacante francês.

Destaque do Paris Saint-Germain e da seleção francesa, Mbappé foi um dos principais nomes da última Copa do Mundo, quando conquistou o título com apenas 19 anos. Além disso, foi fundamental nas campanhas dos títulos do Campeonato Francês, da Copa da França e da Copa da Liga Francesa pelo PSG. E ele franco favorito a ficar com o Troféu Kopa, tanto que foi o quarto colocado na votação da Bola de Ouro, que premia o melhor jogador do futebol mundial.

Assim, Mbappé foi premiado e ficou à frente de Rodrygo, assim como o meia norte-americano Christian Pulisic, do Borussia Dortmund, e o atacante holandês Justin Kluivert, da Roma. E deixou para trás outros cinco concorrentes, casos de Gianluigi Donnarumma (Milan), Trent Alexander-Arnold (Liverpool), Patrick Cutrone (Milan), Houssem Aouar (Lyon), Amadou Haidara (Red Bull Salzburg) e Ritsu Doan (Groningen).

O quarto lugar na votação da France Football foi um reconhecimento ao ótimo ano de Rodrygo, o primeiro em que figurou durante toda a temporada entre os profissionais do Santos. Um dos destaques do time, o atacante, de 17 anos, fechou 2018 com 12 gols marcados em 57 jogos. Assim, foi o vice-artilheiro do time no ano, atrás apenas de Gabriel, e o segundo atleta que mais atuou, superado apenas por Vanderlei.

Assim, despertou o interesse do Real Madrid, tanto que foi negociado com o gigante espanhol por 45 milhões de euros (cerca de R$ 196 milhões, na cotação atual), embora só vá se transferir após o término da temporada 2018/2019 do futebol europeu.

 
 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.