Real Madrid/Twitter
Real Madrid/Twitter

Rodrygo e Vinicius Júnior estão na lista de 20 indicados ao prêmio Golden Boy da Europa

Atacantes do Real Madrid são os únicos brasileiros que continuam na disputa pela premiação

Redação, Estadão Conteúdo

15 de outubro de 2020 | 09h56

Os brasileiros Rodrygo e Vinicius Júnior, ambos do Real Madrid, continuam na disputa do prêmio Golden Boy 2020, que define o melhor jogador sub-21 da Europa, segundo o jornal italiano 'Tuttosport'. Eles fazem parte da lista de 20 indicados, que inicialmente chegou a contar com 100 nomes. O vencedor será anunciado em dezembro, em Turim.

Entre os favoritos ao prêmio para suceder o português João Félix (Atlético de Madrid), ganhador ano passado, estão o norueguês Erling Haland (Borussia Dortmund), o espanhol Ansu Fati (Barcelona), o canadense Alphonso Davies (Bayern Munique), os ingleses Jadon Sancho (Borussia Dortmund) e Phil Foden (Manchester City), o francês Eduardo Camavinga (Rennes) e o sueco Dejan Kulusevski (Juventus).

Os brasileiros Anderson e Alexandre Pato, quando estavam no Manchester United e Milan, em 2008 e 2009, respectivamente, foram eleitos os melhores da temporada. Em 2003, o primeiro ganhador foi o holandês Rafael van der Vaart, pelo Ajax. Wayne Rooney, Lionel Messi, Cesc Fábregas, Sergio Agüero, Mario Balotelli, Mario Gotze, Isco Alarcón, Paul Pogba, Raheem Sterling, Anthony Martial, Renato Sanches, Kylian Mbappé, Matthijs de Ligt foram os outros escolhidos.

Confira os demais indicados: Sergiño Dest (Estados Unidos/Barcelona), Dominik Szobosziai (Hungria/Salzburgo), Mitchel Bakker (Holanda/PSG), Jonathan Christian David (Canadá/Lille), Fabio Silva (Portugal/Wolverhampton), Ryan Jiro Vravenberch (Holanda/Ajax), Mason Greenwood (Inglaterra/Manchester United), Callum Hudson-Odoi (Inglaterra/Chelsea), Bukayo Saka (Inglaterra/Arsenal), Sandro Tonali (Itália/Milan) e Ferrán Torres (Espanha/Manchester

City).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.