Roger avalia empate como reação do Grêmio após queda na Copa do Brasil

O técnico Roger Machado avaliou que o empate por 0 a 0 com o Cruzeiro, domingo, no Mineirão, foi positivo para o Grêmio e vai ajudar o time a superar o baque da eliminação nas quartas de final da Copa do Brasil. Assim, o treinador enxergou aspectos positivos, mesmo que o time não tenha conseguido diminuir a vantagem de nove pontos para o Corinthians, o líder do Campeonato Brasileiro.

Estadão Conteúdo

05 de outubro de 2015 | 11h02

"Gostaria de estar em primeiro com o mesmo número de pontos do Corinthians, mas no contexto, saio satisfeito com o empate. Empatar fora com o Cruzeiro, depois de uma eliminação, é importante. Ainda mais contra um adversário que vem progredindo após a mudança de técnico", disse.

Apesar disso, Roger reconheceu que o Grêmio foi dominado pelo Cruzeiro, especialmente no primeiro tempo, e apontou ter faltado organização tática e valorização da posse de bola ao seu time. "O problema no primeiro tempo foi que não conseguimos organizar a saída", afirmou.

O empate levou o Grêmio aos 52 pontos, em terceiro lugar no Brasileirão. O time volta a jogar em 15 de outubro, pela 30ª rodada, diante do Santos, em casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.