Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Roger critica regulamento e minimiza possível semifinal no Pacaembu

Para técnico do Palmeiras, time mereceria mais vantagem na semifinal do Campeonato Paulista do que somente decidir em casa

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

22 de março de 2018 | 07h00

O Palmeiras assegurou nesta quarta-feira ao golear o Novorizontino por 5 a 0, no Allianz Parque, a vaga na semifinal do Campeonato Paulista, a melhor campanha da competição e algumas lamentações. O técnico Roger Machado lamentou depois da partida a possibilidade de não poder jogar a próxima partida como mandante na arena e disse que o regulamento da competição deveria dar mais vantagens ao time.

+ Prass: 'Pode ser meu último ano aqui'

+ Tabela do Campeonato Paulista 2018

Para o treinador, o clube mereceria ter na fase seguinte mais alguma comodidade do que jogar em casa, como, por exemplo, pode jogar por dois resultados iguais. "Na minha opinião, quem se classifica em primeiro numa primeira fase, mantém a solidez nos resultados e a pontuação deveria ter uma vantagem na semifinal, mas o regulamento não nos dá isso. Zera tudo", afirmou.

No Campeonato Paulista se os times empatarem em saldo de gols, a disputa da vaga será nos pênaltis, como foi na Vila Belmiro, onde o Santos superou o Botafogo nas cobranças depois de dois empates sem gols.

O time alviverde garantiu com a vitória sobre o Novorizontino o direito de ter a melhor campanha e, assim, jogar como mandante em uma possível segunda partida da decisão do Estadual. Antes disso, o Palmeiras aguarda para saber quem será o adversário na semifinal. Se o Bragantino passar nos pênaltis pelo Corinthians nesta quinta-feira, em São Paulo, será o próximo oponente, caso contrário, o rival será o Santos.

O segundo jogo da semifinal pode ser no Pacaembu. A partida será disputada no dia 28 ou 29 de março, logo depois da realização do show do Depeche Mode no Allianz Parque. Se a data definida for 29, quinta-feira, a construtora WTorre, a responsável pelo estádio, garante ter condições de organizar o local para ter condições de receber a partida, assim como fez contra o Novorizontino. Um dia antes o estádio recebeu um evento corporativo para 5 mil pessoas.

O técnico palmeirense disse torcer pela chance de jogar na arena. "É claro que aqui é sempre melhor, mas não é novidade jogar no Pacaembu. O importante é ter a nossa torcida ao lado. Se fora de São Paulo, onde nós vamos, sempre tem torcedor do Palmeiras, aqui do ladinho com certeza ele vai estar junto", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.