Divulgação
Divulgação

Roger culpa falta de pontaria por derrota do Grêmio

Time gaúcho perde por 1 a 0 para o Criciúma na Copa do Brasil

Estadão Conteúdo

15 de julho de 2015 | 09h12

O técnico Roger Machado evitou criticar a atuação do Grêmio na derrota por 1 a 0 para o Criciúma, na noite de terça-feira, no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, em casa. Para ele, o que faltou ao time foi precisão nas finalizações, afinal, na sua avaliação, o time dominou o adversário na Arena Grêmio.

"Conseguimos ter a bola, as infiltrações e teve o gol anulado pela arbitragem. O Criciúma teve inteligência, usou os contra-ataques em velocidade e abriu o placar numa retomada de bola nossa. A gente controlou o jogo, tivemos a bola, o time atacou a área do adversário, mas o que faltou foi refinamento no último lance para conseguir o gol", disse.

Roger reconheceu, porém, que o tropeço como mandante deixa o Grêmio em situação difícil na luta por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. "Não posso analisar as coisas no calor da partida e dizer que fizemos um mal jogo. Nós tivemos uma derrota num campeonato em que tomar gol em casa é sempre ruim, mas ainda tem jogo da volta e a disputa está aberta", afirmou.

Com o tropeço, o Grêmio terá que bater o Criciúma por dois gols de diferença ou por um, mas marcando ao menos dois, no duelo de volta, marcado para a próxima terça-feira, no interior catarinense, se quiser avançar na Copa do Brasil.

Antes disso, porém, o time tem compromisso pelo Campeonato Brasileiro. No próximo sábado, o time vai receber o Flamengo, na Arena Grêmio, em duelo válido pela 14ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.