Roger evita revelar escalação do Atlético-MG, mas garante manter sistema

Time mineiro enfrenta o Libertad nesta quarta-feira

Estadao Conteudo

18 de abril de 2017 | 20h06

Tentando dificultar a estratégia do Libertad, adversário desta quarta-feira, pela Copa Libertadores, o técnico Roger Machado fechou o treino desta terça e avisou que não revelaria a escalação da equipe. O treinador só garantiu que não deve alterar o esquema tático da equipe mineira.

"Neste momento, não penso em mudar o sistema, mas talvez posso alterar a característica de determinado jogador ou posição, em função de ser um jogo fora, de uma jogada mais forte em determinado setor do campo", declarou o técnico, antes do início da atividade fechada à imprensa.

O treino foi realizado no estádio Adrian Jara, do Club General Diaz, em Assunção. Roger preferiu não fazer a atividade de reconhecimento no gramado do estádio Nicolás Leoz, na mesma capital paraguaia. "O reconhecimento nos foi permitido apenas de tênis, não para treinamento", disse Roger, ao justificar a opção pelo treino no Adrian Jara, onde poderia de fato comandar uma atividade em campo.

Apesar do mistério do treinador, o Atlético deve entrar em campo nesta quarta, às 21h45 (horário de Brasília), com Giovanni; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Elias, Otero e Cazares; Robinho e Fred.

Líder do Grupo 6 da Copa Libertadores, o time mineiro tem os mesmos quatro pontos do Godoy Cruz, mas ocupa a ponta por ter maior saldo de gols. O Libertad, com apenas um ponto, é o terceiro colocado. Se vencer nesta quarta, o Atlético ficará muito perto de assegurar a vaga nas oitavas de final.

Tudo o que sabemos sobre:
Atlético-MGfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.