Bruno Cantini / Atlético-MG
Bruno Cantini / Atlético-MG

Róger Guedes lamenta excesso de gols desperdiçados pelo Atlético-MG

Lateral Patric reclama da retranca do adversário, que saiu na frente na partida

Estadão Conteúdo

26 de fevereiro de 2018 | 12h14

O atacante Róger Guedes lamentou o excesso de gols desperdiçados no empate do Atlético Mineiro por 1 a 1 com o Tupi pela oitava rodada do Estadual. O jogador, que marcou quatro vezes em sete jogos pelo time alvinegro, passou em branco no duelo de domingo.

+ Atlético-MG goleia o Botafogo-PB e se classifica na Copa do Brasil

+ Atlético-MG anuncia ampliação em cinco mil lugares na capacidade de sua Arena

"A gente já esperava um jogo difícil porque eles têm uma equipe qualificada. Não fizemos um primeiro tempo muito bom, tivemos oportunidades e desperdiçamos. Desperdiçamos chances especialmente no primeiro tempo", comentou.

O jogador também destacou que o fato de o time ter levado um gol logo aos 16 minutos do primeiro tempo atrapalhou o planejamento para a partida. "Sair atrás foi muito ruim. Mas nosso time é guerreiro, lutou até o final e conseguiu o empate. Agora é levantar a cabeça porque tem a Copa do Brasil pela frente", disse.

O Atlético Mineiro volta a campo na quarta-feira, às 21h45, quando visitará o Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela terceira fase da Copa do Brasil. Desta fase em diante, os duelos são e ida e volta.

O lateral-direito Patric, titular do Atlético pelo segundo jogo consecutivo, reclamou da retranca do adversário. "Eles jogaram por uma bola, conseguiram fazer o gol no começo e se seguraram. Tentamos ao máximo, conseguimos o empate e acho que o time foi bem", avaliou.

O Atlético ocupa a terceira colocação no Mineiro, com 12 pontos, a dez de distância do líder Cruzeiro. O time alvinegro volta a campo pelo Estadual no próximo domingo, às 11 horas, no estádio Independência, justamente no clássico com o arquirrival.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético MineiroRóger Guedes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.