Rogério agradece por ficar no Parque

O volante Rogério, que seria envolvido na troca por Vampeta, não conseguiu esconder a satisfação por ter permanecido no Corinthians. ?Tenho contrato com o Corinthians até 2005. Estava preocupado. Afinal, nunca escondi que quero ficar no Corinthians, um clube que me acolheu num momento difícil?, afirmou o jogador, que tem razão em vibrar com a permanência no Parque São Jorge. Afinal, no clube carioca, fatalmente ele não iria receber seus salários em dia. Quanto ao reconhecimento pelo que o Corinthians lhe fez, não custa lembrar que, ano passado, quando ele foi abandonado pelo Palmeiras, foi o Corinthians que brigou na Justiça para que ele pudesse voltar a jogar futebol. O goleiro Dida mais uma vez não quis falar com a imprensa. Ele diz que só dá entrevistas um dia antes dos jogos. Mas em campo, Dida não fechou a boca no treino de hoje. Contrariando as suas características de goleiro caladão, Dida orientou os zagueiros Scheidt e Batata e gritou o tempo inteiro com os laterais Índio e Cléber. Parece que está nascendo em campo, o líderque o técnico Parreira quer para comandar a equipe no gramado.

Agencia Estado,

11 de janeiro de 2002 | 21h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.