Rogério Ceni descarta favoritismo do São Paulo

O goleiro Rogério Ceni é o primeiro jogador do elenco do São Paulo a descartar o favoritismo da equipe do Morumbi contra o Palmeiras. ?Como o ano passado, serão dois jogos muito difíceis e complicados?, comentou o capitão. Dias atrás, Rogério elogiou o elenco deste ano, que julga ser melhor do que o de 2005, por ter mais opções no banco de reservas. Porém, em se tratando do clássico, tudo muda. ?Não há um time melhor do que o outro?, alertou o goleiro. ?Vamos nos concentrar muito, porque este é um confronto de tradição, as duas equipes têm camisa?, opinou. O técnico Muricy Ramalho só vai resolver como vai escalar o São Paulo para enfrentar o Fortaleza, domingo, no Ceará, após a reapresentação do elenco, hoje à tarde, no CT da Barra Funda. O treinador vai consultar a comissão técnica e os próprios jogadores para saber a condição física de cada um. A tendência é que de três a quatro jogadores sejam poupados para o segundo duelo pelo Campeonato Brasileiro - na estréia, bateu o Flamengo, por 1 a 0. Os volantes Mineiro e Josué, o meia Danilo e o lateral-esquerdo Júnior, mais desgastados pela maratona, são os mais cotados para ganhar um descanso. ?Estamos numa fase difícil, precisamos estar 100% fisicamente para a fase dos mata-matas?, alertou Muricy Ramalho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.