Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Rogério Ceni distribui ovos de páscoa

Com quase duas horas de atraso, o goleiro Rogério Ceni, destaque do São Paulo no Campeonato Paulista, esteve hoje à tarde no Centro de Apoio à Criança Carente com Câncer (CACCC), no bairro da Aclimação, onde distribuiu ovos de páscoa, bolas dente-de-leite e autografou camisas. Mariana Rodrigues, de 7 anos, estava aflita. Tímida, escondia a camisa do São Paulo sob o boné pink. Ela cantou o hino do clube e gritou o nome de Rogério. "Não vejo a hora de falar com ele. Será que ele vai demorar muito?", cobrava. Com consulta marcada às 14h30 no Hospital do Câncer, onde faz sessões de quimioterapia, ela deixou a entidade desolada. Subiu na van do hospital e pediu a uma funcionária que pegasse o autógrafo do jogador. Rogério justificou seu atraso: "Me passaram o horário errado e o trânsito na capital estava ruim." Mesmo assim, o goleiro foi recebido com festa. "Foi o melhor presente do mundo. Saio daqui fortalecido, acho que mais contagiado do que as crianças...Pena que não pude trazer as minhas filhas aqui", disse o pai das gêmeas recém-nascidas Clara e Beatriz. O goleiro também não escondeu a satisfação de ver seu time disparado na liderança do Campeonato Paulista e muito próximo do título. Mas preferiu manter os pés no chão. "Claro que acredito que o São Paulo vai ser campeão. Mas não acredito que o título saia neste sábado, não. O São Paulo pode sim dar um passo muito grande se vencer", ressaltou. "Temos um adversário muito difícil pela frente (Santo André, no Morumbi), que venceu o Santos (3 a 2, quarta-feira). Se a gente conquistar uma vitória no sábado, ficaremos muito próximos do título", analisou. A expectativa do jogador é de casa cheia amanhã no Morumbi. Foram colocados à venda 49.767 ingressos. E ele quer retribuir todo o carinho da torcida. Conversou com os jogadores após a vitória sobre o Guarani, por 2 a 1, na quarta-feira, e decidiu que vão sortear as 18 camisas do time para os torcedores. "Ganhar a camisa é mais fácil que ganhar o título. Sei que muitos viajam no feriado da Páscoa. Então peço para viajarem depois do jogo, às 18 horas, pois irão muito mais felizes..."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.