Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Rogério Ceni evita falar de fim do seu ciclo na Copa Libertadores

Capitão do São Paulo só pensa em sair classificado no Morumbi

PAULO FAVERO, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2015 | 18h41

Rogério Ceni não quer nem saber de pensar na partida desta quarta-feira, contra o Corinthians, como sua despedida da Copa Libertadores, torneio que mantém uma relação de amor desde quando começou no São Paulo. "Não venho aqui pensando em eliminação, meu único objetivo é sair do Morumbi classificado", avisa o capitão da equipe.

Para que isso não ocorra, sua equipe precisa vencer o rival, para não depender de qualquer outro resultado. Se empatar, precisa torcer para o San Lorenzo não ganhar do Danubio por mais de quatro gols de diferença e, se perder, precisa torcer por um tropeço do time argentino.

Rogério Ceni sabe que o time terá de encontrar maneiras de neutralizar o Corinthians, pois o São Paulo ficou devendo nas duas partidas no ano contra o rival. "O Corinthians vem jogando melhor que o São Paulo, já vem classificado, joga mais solto e tranquilo, e tem como objetivo eliminar seu rival. O São Paulo terá de encontrar coisas que ainda não encontrou nesta temporada para vencer o jogo", admite.

O contrato do capitão vai até 6 de agosto e ele não quer nem saber em parar na fase de grupos da Libertadores. Ele sabe que o time ainda não convenceu na temporada, mas tem a grande chance nesta quarta de mostrar para a torcida que pode ir longe no torneio sul-americano. "Enxergo como grande oportunidade de ir à próxima fase. Temos condições reais porque dependemos só da gente para conseguir isso."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.