Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

Rogério Ceni lamenta 'desatenção' no gol do Atlético-MG

Goleiro do São Paulo admite que defesa falhou no jogo da Copa Libertadores

Fernando Faro, Agência Estado

14 de fevereiro de 2013 | 16h40

SÃO PAULO - No desembarque da delegação do São Paulo nesta quinta-feira, o goleiro Rogério Ceni ainda lamentava o primeiro gol sofrido na derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG, na noite anterior, em Belo Horizonte, pelo Grupo 3 da Libertadores. Ele admitiu que faltou atenção para o sistema defensivo são-paulino, que deixou Ronaldinho Gaúcho livre dentro da área numa cobrança de lateral, o que acabou provocando o gol marcado por Jô - depois, Réver ampliou a vantagem atleticana no placar e Aloísio ainda diminuiu no final.

"Foi uma desatenção nossa, independentemente de ser um lance de inteligência dele (Ronaldinho Gaúcho). Foi uma desatenção nossa na hora do jogo", afirmou Rogério Ceni, ressaltando que ter saído atrás no placar dificultou um pouco a vida do São Paulo no duelo disputado na Arena Independência.

Apesar da derrota na estreia, o goleiro e capitão são-paulino pregou tranquilidade. "Quando você perde o primeiro jogo, encurta o seu aproveitamento. Mas tem de ter calma para ganhar o próximo jogo e aí repensar a pontuação e as possibilidades que a competição oferece", avisou.

O próximo compromisso do São Paulo na Libertadores será no dia 28 de fevereiro, contra o The Strongest (Bolívia), no Morumbi - o Arsenal, da Argentina, também faz parte do Grupo 3. Antes disso, porém, o time volta a campo já neste sábado, quando recebe o Ituano pela oitava rodada do Paulistão.

Como ainda tem bastante tempo até o confronto com o The Strongest pela Libertadores, a tendência é que o técnico Ney Franco escale força máxima para enfrentar o Ituano neste sábado. Assim, o São Paulo espera melhorar sua situação no Paulistão - está em nono lugar, com 10 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCRogério Ceni

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.