Rogério Ceni sente tornozelo, mas nega lesão

O goleiro Rogério Ceni ficou mais de quatro meses afastado por causa de uma lesão no tornozelo esquerdo. Mas desde que voltou, na vitória sobre o Fluminense, no último dia 19 de agosto, o capitão do São Paulo tem tido boas atuações, mostrando que está completamente recuperado da lesão. Neste sábado, porém, ele voltou a dar um susto nos torcedores são-paulinos.

AE, Agencia Estado

12 de setembro de 2009 | 22h18

Nos minutos finais da vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, no Morumbi, o goleiro tirou a bandagem que tinha como proteção no tornozelo, saindo depois mancando de campo. Mesmo assim, garantiu que não foi nada sério. "Nos últimos dez minutos senti um pouquinho, mas agora é trabalhar direitinho para não ter problema para os próximos jogos", afirmou. "Só pedi para arrumar porque estava incomodando um pouco."

Se Rogério Ceni estiver correto no seu diagnóstico, o goleiro não deve ser problema para o próximo jogo do São Paulo pelo Campeonato Brasileiro. No dia 20, o time vai até Ribeirão Preto encarar o Santo André, pela 25.ª rodada. Após a vitória deste sábado, a equipe são-paulina está na terceira posição, com 43 pontos, um a menos que o líder Palmeiras, que ainda joga neste domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.