Alex Silva/AE
Alex Silva/AE

Rogério Ceni será reavaliado, mas não preocupa médico

Goleiro do São Paulo tinha sentido coxa direita após o clássico de domingo com o Corinthians, no Pacaembu

PAULO FAVERO, O Estado de S. Paulo

28 de agosto de 2012 | 18h05

SÃO PAULO - O goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, deixou o clássico do último domingo, contra o Corinthians, reclamando de um certo desconforto na coxa direita. Ele ainda será reavaliado nesta quarta-feira, para definir se enfrenta o Botafogo na quinta, mas o caso não preocupa o médico do clube, José Sanchez.

Na segunda-feira, Rogério Ceni fez apenas trabalho de recuperação física na piscina. E nesta terça, ele realizou musculação na academia e uma movimentação mais leve no campo. Diante desse cenário, ainda é dúvida para encarar o Botafogo, mas não deve ser desfalque para o técnico Ney Franco.

"Ele está fazendo um trabalho lá dentro, de musculação. Vamos dar um tempo a mais para ele se recuperar", disse José Sanchez. "Vamos avaliar amanhã (quarta-feira) para ver como vai estar. A princípio, não preocupa, pois não é um problema grave", completou o médico.

Contando com a presença do goleiro e capitão Rogério Ceni, o São Paulo espera manter o embalo após a vitória sobre o rival Corinthians e ganhar também do Botafogo, para se aproximar ainda mais do G4 do Brasileirão - está em quinto lugar, quatro pontos atrás do quarto colocado Vasco.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCRogério Ceni

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.