Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

Rogério Ceni vê São Paulo mais confiante para decisões

Capitão tricolor se prepara para encarar Santos e Corinthians

PAULO FAVERO, O Estado de S. Paulo

17 de abril de 2015 | 07h00

A vitória de virada do São Paulo arrancada no finalzinho diante do Danubio veio em boa hora, segundo o capitão Rogério Ceni. Para ele, a maneira como o time reagiu na partida e conseguiu buscar o resultado de que precisava injetou confiança nos jogadores para as partidas decisivas que vêm por aí – a começar pela semifinal do Campeonato Paulista, domingo, contra o Santos. "É um jogo que representa muito. O de quarta, contra o Corinthians, representa mais ainda. As vitórias ajudam e trazem confiança."

Para o clássico de domingo, ele acha fundamental o time recuperar as energias. "O Santos tem um time rápido, com um ataque de muita qualidade com Geuvânio, Robinho e Ricardo Oliveira. Eles têm marcado muitos gols. Eles também jogaram no meio de semana, mas foi bem mais perto. Então o desgaste é menor", compara. O Santos jogou com o Londrina em São José dos Campos pela Copa do Brasil e poupou vários titulares.

O técnico Milton Cruz não poderá contar com o volante Souza, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O jogador lamenta não poder estar em campo. "Chegou o momento de dar a volta por cima. Perdemos quando podíamos perder. Agora chegou a hora de ganhar, porque são partidas decisivas."

O treinador ainda não definiu quem será o substituto do volante, mas disse que vai conversar com a comissão técnica para saber a condição física de cada atleta antes de decidir. Wesley, que não viajou com o grupo por não estar inscrito na primeira fase da Libertadores, deve retornar ao time. Ele estreou no jogo das quartas de final contra o Red Bull, quatro meses depois de sua última partida pelo Palmeiras.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSão Paulo FCRogério Ceni

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.