Rogério conta com torcida japonesa

O goleiro Rogério Ceni disse nesta quinta-feira acreditar que o São Paulo vai receber apoio da torcida japonesa no Mundial de Clubes da Fifa, que começa no domingo. "Os times de 92 e 93 fizeram história aqui. Isso irá trazer torcedores para o nosso lado?, aposta o goleiro, que faz um alerta. Para ele, a responsabilidade dos jogadores também vai aumentar. ?A exigência será muito grande em cima da gente, já que aquele time jogava muito", disse o goleiro, referindo-se ao time campeão da Copa Intercontinental em 92 e 93.Depois de três semanas afastado por conta de uma lesão muscular, o atacante Aloisio retornou aos treinos e está confiante. "Temos um time muito forte e que vem treinando muito bem. Espero entrar para ajudar a equipe a obter a classificação", diz o centroavante. "O Paulo (Autuori) vem conversando com a gente sobre isso e só pensamos neste primeiro jogo. Espero fazer os gols que o São Paulo precisa para chegar à final", acrescentou.Uma das prioridades do time neste momento é acelerar a adaptação ao fuso. "Fui dormir às 22 horas e acordei às 5 da manhã. Não é fácil, mas em dois ou três dias estaremos inteiros", revelou Rogério Ceni. "Mas nossa vontade é tão grande que essas dificuldades acabam passando batido", garante.O atacante Amoroso está otimista em relação a campanha do time e disse que encara o Mundial de Clubes como se fosse uma Copa do Mundo."Em 1998/99, fui artilheiro pela Udinese, o que não é fácil. Na temporada anterior, não fui artilheiro, mas fiz 18 assistências para o Bierhoff ser o goleador do Italiano. Em 2002, pelo Borussia Dortmund, fomos campeões e fui o artilheiro do Alemão. Mesmo assim, não tive oportunidades nas Copas de 98 e 2002", lamenta.O Tricolor estréia no torneio dia 14, já na semifinal. Vai enfrentar o vencedor do confronto entre o Al Ittihad (Arábia Saudita) e Al Ahly (Egito).

Agencia Estado,

08 de dezembro de 2005 | 10h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.