Roma derrota Inter e conquista bi da Copa da Itália

Equipe vence por 2 a 1 e se torna a maior vencedora da competição ao lado da Juventus

Efe,

24 de maio de 2008 | 19h04

A Roma conquistou neste sábado o bicampeonato da Copa da Itália ao bater a Inter de Milão pelo placar de 2 a 1 diante de sua torcida, no Estádio Olímpico da capital italiana. Os donos da casa abriram o placar aos 36 minutos de jogo, em bela jogada do zagueiro francês Mexes. Após cobrança de escanteio, o companheiro de setor do brasileiro Juan se antecipou à defesa e emendou de primeira, sem chances para o goleiro Toldo - Júlio César ficou no banco. O segundo gol veio aos oito da etapa final, em mais uma bela jogada da Roma. Perrota recebeu, avançou e tocou na esquerda da área para o montenegrino Vucinic, que devolveu para o companheiro de ataque, livre de marcação, tocar para o gol vazio. A Inter descontou aos 15 da etapa final, num belo gol do volante português Pelé. Ele aproveitou uma sobra da defesa após escanteio e mandou uma bomba de fora da área no ângulo do goleiro Doni, que bem se mexeu. O time de Milão até tentou pressionar no final da partida, mas não conseguiu igualar o marcador. A equipe teve em campo os brasileiros Maicon, Maxwell e César, enquanto Cicinho entrou no fim da partida para o time da capital italiana. Com o título, a Roma se vinga da perda do Italiano para a Inter na semana passada, quando ambos chegaram à última rodada com chances de vencer. Curiosamente, esta foi a quarta final seguida da Copa da Itália entre as duas equipes. A Roma venceu esta e a última edições, enquanto a Inter sagrou-se campeã nas temporadas 2004/2005 e 2005/2006. A conquista deste sábado deixa a Roma igualada com a Juventus como maior vencedora da Copa da Itália. As equipes têm nove títulos cada uma.

Tudo o que sabemos sobre:
RomaInter de MilãoCopa da Itália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.