Giorgio Benvenuti/EFE
Giorgio Benvenuti/EFE

Roma passa fácil pelo Bologna e mantém perseguição à Juventus; Milan goleia

Equipe da capital italiana chega aos 71 pontos, a seis do time de Turim

Estadão Conteudo

09 de abril de 2017 | 12h06

Vice-líder, a Roma manteve o sonho do título do Campeonato Italiano com mais uma vitória na temporada. Neste domingo, a equipe da capital visitou o Bologna e, mesmo fora de casa, comandou o confronto para conseguir um triunfo contundente, por 3 a 0, com gols de Fazio, Salah e Dzeko.

Com sete rodadas para o fim do campeonato, a tarefa da Roma é difícil, já que o time tem 71 pontos e está a seis da Juventus, líder da tabela. O Bologna, por sua vez, espera a competição terminar sem maiores pretensões, já que ocupa a 14.ª posição, com 34 pontos.

O começo do confronto deste domingo até foi equilibrado, mas aos poucos a diferença na qualidade técnica se fez valer e a Roma abriu o placar aos 25 minutos, através da bola parada. Após cobrança de escanteio da direita e bate-rebate na área, o zagueiro Fazio finalizou para a rede.

O gol deu moral para os visitantes, que cresceram na partida, muito em função da boa atuação de Dzeko. Aos 40 minutos, o artilheiro virou garçom, ao receber fazendo o pivô na intermediária, e deu belo toque sobre a zaga para Salah. O egípcio, então, fez melhor ainda e bateu por cobertura para ampliar o placar.

Sem sustos, a Roma voltou para a etapa final esperando o adversário e explorando os contra-ataques. Demorou, mas quando o time da capital acertou um, foi fatal. Aos 30 minutos, Perotti recebeu enfiada precisa e saiu de frente para o goleiro. Sem egoísmo, rolou para o lado para Dzeko deixar sua marca.

Sem compromissos no meio de semana, a Roma só volta a campo no próximo sábado, quando recebe a Atalanta pelo Italiano. Pela mesma competição e no mesmo dia, o Bologna tenta a recuperação diante do Palermo, fora de casa.

MILAN GOLEIA

Quem teve ainda mais facilidade para vencer neste domingo foi o Milan. A equipe recebeu o desesperado Palermo e aproveitou a fragilidade do adversário para golear, por 4 a 0, e subir para 57 pontos, ocupando agora a sexta colocação e entrando de vez na briga pela Liga Europa. Já o Palermo é o penúltimo, com 15 pontos, e parece fadado ao rebaixamento.

Não demorou para que os donos da casa iniciassem a goleada neste domingo. Logo aos cinco minutos, Suso cobrou falta com perfeição e marcou o primeiro. Aos 18, Pasalic aproveitou cruzamento da direita e finalizou de cabeça para ampliar. O terceiro saiu ainda no primeiro tempo, com Bacca, aos 36.

Só então, o Milan diminuiu o ritmo e administrou a vantagem. Mas mesmo sem forçar, a equipe chegou à goleada no segundo tempo, aos 24 minutos, quando Deulofeu aproveitou assistência de De Sciglio para marcar. Giancarlo Gonzalez ainda foi expulso nos últimos minutos, deixando o Palermo com um a menos.

OUTROS RESULTADOS

O triunfo fez o Milan ultrapassar a Inter de Milão, que visitou o Crotone neste domingo e caiu por 2 a 1. A surpreendente derrota fez o time do ex-santista Gabriel, que mais uma vez ficou os 90 minutos no banco, parar nos 55 pontos, agora na sétima colocação. O Crotone, por sua vez, chegou a 20, ainda na zona de rebaixamento, mas sonhando com a permanência na primeira divisão.

Na oitava e na nona posições, respectivamente, Fiorentina e Sampdoria se enfrentaram e empataram em 2 a 2, em Gênova. O décimo colocado Torino visitou o Cagliari e levou a melhor por 3 a 2, enquanto o 11.º, a Udinese, recebeu o Genoa e não teve maiores dificuldades para vencer por 3 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.