Romário: acordo depende de empresas

O presidente do Fluminense, David Fischel, começa a negociar neste domingo a renovação contratual do atacante Romário. O atleta desembarca de suas férias na Jamaica e Estados Unidos no mesmo dia, mas já se mostrou disposto a conversar.De acordo com Fischel, Romário só permanecerá no Fluminense se um patrocinador estiver disposto a custear os seus salários, como aconteceu neste ano. O dirigente, no entanto, afirmou que já está viabilizando parcerias para garantir a presença do jogador no time em 2003. Romário convidou Fischel e o vice-presidente de Futebol do Tricolor, Marcelo Penha, para a festa de réveillon que dará em sua cobertura no condomínio Barra Golden Green, na Barra da Tijuca, zona oeste, o mesmo onde uma vizinha teria agredido verbalmente familiares do artilheiro Ronaldo, do Real Madrid. A previsão é a de que sejam convidadas 200 pessoas para o evento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.