Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Romário revela que Kia quase o levou para o Corinthians

Às vésperas de completar seu milésimo gol - segundo suas contas - e encerrar a carreira, Romário experimentou quase de tudo nos seus 21 anos como jogador profissional. Faltou a experiência de jogar no futebol paulista - ele passou por Vasco, PSV Eindhoven, Barcelona, Flamengo, Valencia, Vasco, Fluminense, Miami FC e Adelaide United.Nesta segunda-feira, o craque revelou, no programa "Bem Amigos", do Sportv, que quase saciou o desejo de jogar em São Paulo em 2006, e no clube de maior torcida do Estado: o Corinthians. "Depois que fui artilheiro do Brasileiro em 2005 [22 gols, pelo Vasco], estava tudo fechado com o Kia [Joorabchian, presidente da parceira MSI], grana, tudo. Mas aí algumas pessoas lá dentro do Corinthians vetaram. O Antônio Lopes, segundo me disseram, foi um deles", contou o artilheiro, referindo-se ao técnico do time na ocasião.Romário também afirmou que esteve perto de parar no Parque São Jorge "há uns cinco anos", quando foi contatado pelo então vice-presidente de futebol Antônio Roque Citadini.O time de Parque São Jorge, curiosamente, é uma das vítimas preferidas de Romário - sofreu 19 gols do camisa 11.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.