Romário será o treinador do Vasco diante do América-MEX

Baixinho assume comando técnico deixado por Celso Roth e também deve jogar a partida pela Sul-americana

22 de outubro de 2007 | 18h31

Sem opções, a diretoria do Vasco dará um voto de confiança ao jogador Romário, que será o técnico da equipe na partida diante do América-MEX nesta quarta-feira, na segunda partida pelas quartas-de-final da Copa Sul-americana, em São Januário.   Veja também:  Celso Roth deixa o comando técnico do Vasco Romário dará certo como técnico do Vasco? Como não é técnico profissional, Romário não poderá assinar a súmula da partida, que ficará a cargo do preparador físico do time, Mauro Britto.   Além de comandar o time diante do América, Romário deve jogar como titular ao lado de Leandro Amaral, algo impensável sob o comando do técnico Celso Roth, que foi demitido nesta segunda-feira após mais uma derrota no Campeonato brasileiro; desta vez para o Atlético-MG, por 1 a 0, no Mineirão. Romário, no entanto, ainda não confirmou a equipe titular.   Já o presidente do clube, Eurico Miranda, deixou claro que a melhor opção seria Romário, já que a diretoria não teria tempo hábil para trazer um novo comandante. Apesar disso, o dirigente espera anunciar o novo técnico do Vasco na quinta-feira.   Romário não será o primeiro jogador a fazer isso. O Italiano Gianluca Vialli chegou a ser treinador e jogador do Chelsea, da Inglaterra, com relativo sucesso, no final do século passado.   O clube londrino não contava com o dinheiro do russo Roman Abramovich, que hoje é o dono do Chelsea, e tinha poucos recursos financeiros. A saída foi efetivar Vialli na função de treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.