Ricardo Moraes/AP
Ricardo Moraes/AP

Romário tem as contas penhoradas para pagar Zagallo

Juíza determina que o ex-jogador de futebol pague R$ 635.607,32 ao ex-técnico da seleção brasileira

Bruno Lousada - O Estado de S. Paulo,

16 de julho de 2009 | 19h19

Romário vive um inferno astral. Depois de passar 22 horas na delegacia da Barra (16.ª DP) por não pagar R$ 89 mil de pensão alimentícia dos dois filhos mais velhos, o ex-atacante teve as contas penhoradas para o pagamento de R$ 635.607,32 ao ex-técnico da seleção brasileira Zagallo, em razão da polêmica caricatura do Velho Lobo no antigo bar Café do Gol, casa noturna que pertencia a Romário. A decisão foi expedida nesta quinta-feira pela juíza Camilla Prado, da 17ª Vara Cível do Rio.

Veja também:

linkRomário acerta pendência com a ex-esposa e está livre

A rixa entre os dois começou antes da Copa do Mundo de 1998, na França. Zagallo era o técnico da seleção e, com o aval do coordenador Zico, cortou Romário da equipe às vésperas do Mundial por causa de contusão na panturrilha direita.

Romário contestou a decisão, alegando que sua recuperação seria rápida. Mas não teve jeito. Em retaliação, o ex-atacante mandou pintar uma charge de Zagallo e outra de Zico na porta do banheiro de seu antigo bar. No desenho, o então técnico da seleção aparecia sentado num vaso sanitário. Zico também foi alvo do deboche: segurava um rolo de papel higiênico.

Ambos abriram processo contra Romário. A ação de Zico tramita em segredo de Justiça. Na quarta-feira, o ex-atacante só saiu da delegacia após pagar os dois meses que devia de pensão dos filhos Romarinho, de 15 anos, e Moniquinha, de 19. O craque também já fora condenado a pagar R$ 5,5 milhões a um casal de vizinhos no luxuoso condomínio Golden Green, na Barra da Tijuca (zona oeste).

O ex-jogador, cujo imóvel de R$ 9 milhões deve ir a leilão, fez obras em sua cobertura que danificaram o apartamento de baixo. Ele ainda deve R$ 1 milhão em IPTU e R$ 51 mil ao Estado do Rio por falta de pagamento de IPVA de seu Mercedes.

Tudo o que sabemos sobre:
RomáriofutebolZagalloJustiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.