Romário treina. E em pleno carnaval

Os ´petrodólares´ produziram um milagre neste carnaval: pelo incrível salário de R$ 54 mil por dia, o artilheiro Romário trocou, pela primeira vez na vida, a folia do carnaval carioca pelos treinos no El-Sad, principal clube do Catar, que o contratou por US$ 1, 5 milhão para atuar por apenas 100 dias. Mas muitos dos atletas deixam uniformes e treinos de lado pelos quatro dias de folga do carnaval ? não necessariamente na avenida ou nos salões. Semanas antes dos desfiles, alguns ensaiam o samba-enredo e treinam para para se sair bem no sambódromo. Mas outros preferem curtir situações raras na vida dos ídolos, como passear em shopping center ou pegar um cinema.Exceção feita a Viola, que veio da Turquia para sair em quase todas as escolas de samba de São Paulo, e Vampeta, que desde ontem está nos trios de Salvador em companhia do amigo Edilson, quase nenhum jogador de futebol confirmou presença nos desfiles este ano. Ronaldinho ?Fenômeno? seria destaque na Tradição, mas não estará na Marquês de Sapucaí. Leia mais no Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.