Romeiro: herói de um supercampeonato

O clássico entre Palmeiras e Santos, hoje no Palestra Itália, vai trazer uma grande lembrança ao ex-ponta-esquerda Romeiro: amanhã faz 42 anos e um mês que ele marcou o gol da vitória do Alviverde na conquista do supercampeonato paulista de 1959, após uma decisão de melhor-de- três jogos contra o time da Vila Belmiro."Um dia desses eu estava vendo as fotos e os recortes dos jornais desse jogo. Eu me lembro da emoção que senti com o Pacaembu lotado e a festa da nossa torcida", contou Romeiro ao ressaltar que o Palmeiras havia interrompido a ascensão do Santos.Leia mais no Estadão

Agencia Estado,

09 de fevereiro de 2002 | 09h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.