Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Sem jogar no Corinthians, Romero teme perder a Copa América

Com renovação travada, atacante busca jeito de treinar longe do clube sem brigar na Justiça

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

02 de março de 2019 | 04h36

A indefinição sobre seu futuro no Corinthians tem deixado Romero preocupado. A aflição do paraguaio é com a ausência nos jogos oficiais e a possibilidade de perder a Copa América. Por isso, o atacante estuda se existe uma brecha de conseguir treinar longe do CT Joaquim Grava, para ficar bem fisicamente, sem precisar brigar nos tribunais com o clube que defendeu nas últimas quatro temporadas e meia e onde é ídolo.

O Corinthians, que visita o São Bento neste sábado, pelo Paulistão, decidiu que não negocia mais com o atacante, que tem contrato até 14 de julho. A situação só mudará se ele aceitar reduzir sua exigência para renovar. O jogador recebe US$ 110 mil (cerca de R$ 412 mil) por mês e pede reajuste acima do teto salarial do clube, que é de R$ 450 mil. O presidente Andrés Sanchez recusou e avisou que não mudará de opinião. Nem assinará nada. Ou seja, ou o maior artilheiro da Arena Corinthians – 27 gols – aceita se enquadrar ou ele sai ao término do seu contrato.

Andrés já deu entrevistas em que deixa clara sua irritação com Romero e faz questão de eximir a empresa que cuida da carreira do atleta, a OTB Sports, de responsabilidade. Afirma ser o atleta a não querer negociar. O Atlético-MG observa tudo de perto e quer levar o paraguaio, mas também se nega a pagar o que ele pede.

Romero recebeu sondagens de clubes do exterior no ano passado e esperava que a situação se transformasse em propostas, que não chegaram. Três meses se passaram, ele já ganhou cerca de R$ 1,2 milhão de salário no clube, mas ainda não jogou.

Enquanto isso, Eduardo Berizzo assumiu o comando da seleção paraguaia no mês passado e começa a montar o time para a Copa América, que será realizada entre os dias 14 de junho e 7 de julho, no Brasil. Seus primeiros jogos serão dias 22 e 26, contra Peru e México, respectivamente. Romero não tem presença assegurada na lista.

Reforço. O Corinthians anunciou ontem a contratação do meia Régis, que estava no Bahia. A negociação vinha se arrastando nos últimos dias e somente agora foi confirmada. O jogador de 26 anos chega por empréstimo até o fim do ano. Régis já vinha fazendo trabalhos físicos no clube. Ontem, o jogador foi a campo no CT Joaquim Grava. “Régis foi pedido meu. Tive oportunidade de levá-lo para a Arábia Saudita, trabalhei três meses com ele. Acredito que possa acrescentar no nosso trabalho”, disse o técnico Carille.

Tudo o que sabemos sobre:
RomeroCorinthiansfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.