Paulo Pinto/AE - 01/04/2009
Paulo Pinto/AE - 01/04/2009

Ronaldinho Gaúcho volta à seleção brasileira

Meia ganha chance, depois de um ano e meio, para o amistoso contra a Argentina, em 17/11

estadão.com.br,

29 de outubro de 2010 | 10h34

SÃO PAULO - A volta de Ronaldinho Gaúcho é a grande novidade da lista divulgada por Mano Menezes nesta sexta-feira no Rio de Janeiro. Depois de um ano e meio longe da seleção brasileira, o meia-tacante do Milan foi chamado para o amistoso contra a Argentina em 17 de novembro, às 15 horas (de Brasília), que será disputado em Doha, no Catar.

Veja também:

linkMano minimiza risco e diz que precisa avaliar jovens

linkANTERO GRECO - Vale a pena desfalcar times por causa da seleção?

Satisfeito com o desempenho do meia em duas partidas na Europa - contra o Chievo (vitória por 3 a 1), pelo Campeonato Italiano, e diante do Real Madrid (derrota por 2 a 0), pela Liga dos Campeões - Mano optou por chamar Ronaldinho. A certeza veio depois de uma conversa no centro de treinamento do time italiano.

"Ele [Ronaldinho] é um jogador que vai agregar valor à seleção brasileira para um setor que a gente ainda precisa evoluir. Já deixei claro em algumas conversas que ele tem o perfil que estamos procurando. O setor que está variando mais é a meia e ele pode acrescentar", justificou.

Ronaldinho Gaúcho não era convocado desde março de 2009 e sua última partida pela equipe canarinho foi no dia 1.º de abril, na vitória por 3 a 0 sobre o Peru, no Beira-Rio, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.

O técnico ainda deu nova oportunidade para Neymar, após ficar de fora da última listagem para os amistosos contra o Irã (vitória por 3 a 0), em Abu Dhabi, e Ucrânia (triunfo por 2 a 0), em Derby, na Inglaterra. O jovem craque havia se envolvido em polêmicas no Santos por problemas disciplinares que culminaram na demissão do técnico Dorival Junior. O único da lista que jamais tinha sido chamado para a seleção é o apoiador Douglas, do Grêmio.

Confira a lista dos 23 convocados:

Goleiros  -Victor (Grêmio); Jefferson (Botafogo); e Neto (Atlético-PR).

Laterais - Daniel Alves (Barcelona); Rafael (Manchester United); Adriano Corrêa (Barcelona); e André Santos (Fenerbahçe).

Zagueiros - Thiago Silva (Milan); David Luiz (Benfica); Alex Costa (Chelsea); e Réver (Atlético-MG).

Volantes - Lucas (Liverpool); Ramires (Chelsea); Sandro (Tottenham); e Jucilei (Corinthians).

Meio-campistas - Douglas (Grêmio); Philippe Coutinho (Internazionale); Ronaldinho Gaúcho (Milan); e Elias (Corinthians).

Atacantes - Robinho (Milan); Alexandre Pato (Milan); André (Dínamo de Kiev); e Neymar (Santos).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.