Ronaldinho pode ser punido pelo PSG

O atacante Ronaldinho não apareceu no primeiro dia de treinamento do Paris Saint Germain depois do recesso de Natal e poderá ser punido pelo clube. O presidente do PSG, Laurent Perpere, se limitou a informar que a sua única informação era que o jogador tinha permanecido no Brasil para uma consulta médica. Ronaldinho estaria fazendo um tratamento dentário. O dirigente quer ouvir as explicações do próprio jogador antes de decidir se irá puní-lo. Em Paris, os comentários são de que Ronaldinho não ficou satisfeito quando o treinador Luis Fernández foi confirmado no cargo no último dia 9. O brasileiro nunca escondeu sua insatisfação em trabalhar sob o comando de Fernández. O treinador, por sua vez, procurou não criar mais polêmica com Ronaldinho, lembrando que outros jogadores também não se reapresentaram, como Llacer, Heinze, André Luiz e El Karkouri. O fato é que se o atacante brasileiro não voltar a Paris até o dia 2, dificilmente irá participar da partida da liga no dia 5 contra o Besancon.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.