Ronaldinho pode voltar em fevereiro

A torcida da Inter pode ser obrigada a esperar mais algumas semanas para ver Ronaldo em campo novamente. O astro brasileiro recupera-se desde o dia 23 de dezembro de estiramento na coxa esquerda e há possibilidade de reaparecer no time no clássico com o Torino, dia 3 de fevereiro. A previsão inicial era de retorno no dia 27, para enfrentar o Venezia na terceira rodada do returno do Campeonato Italiano. A previsão cautelosa foi feita hoje pelos médicos da Inter - e contou com o apoio do técnico Héctor Cúper. Todos têm receio de forçar os músculos do Fenômeno e provocar mal maior. Ronaldo segue tratamento, participou de treinos leves na semana e até contrariou prognósticos pessimistas ao participar do coletivo, no centro de treinamento em La Pinetina. Por isso, se falou até que poderia reforçar a Inter no jogo de domingo com o Parma, no Giuseppe Meazza. Cúper e o médico Franco Combi trataram de frear o entusiasmo e alegaram que não se pode fazer avaliação final por um teste. Mas o treinador alimentou especulações ao fazer mistério em torno da lista de convocados para enfrentar o Parma. Ele divulga amanhã apenas quem se concentra. Outro que trava batalha delicada contra contusões é o argentino Fernando Redondo. O volante do Milan passou por cirurgia no joelho direito há um ano e meio e faz longo tratamento para voltar. Nesta semana, sofreu nova contusão, em sessão de treinos em Buenos Aires, e não se sabe quando terá condições de retomar atividades normais. A segunda rodada do returno na Itália será aberta amanhã com o jogo Brescia x Torino. A Roma lidera, com 39 pontos, um a mais do que a Inter.

Agencia Estado,

18 de janeiro de 2002 | 10h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.