Ronaldinho volta a sentir dores e fica de fora de treino

Meia-atacante brasileiro será submetido a novos exames pelos médicos do Barcelona para avaliar problema

EFE

04 de abril de 2008 | 10h24

O meia-atacante brasileiro Ronaldinho Gaúcho, do Barcelona, voltou a sentir a lesão muscular que o deixou afastado do time nas últimas semanas, e não participou do treino desta sexta-feira com o restante do elenco da equipe para o jogo do próximo domingo, contra o Getafe, pelo Campeonato Espanhol. O jogador, que havia participado dos dois últimos treinamentos com o grupo, deixou o campo na quinta com dores, e não participou da sessão a portas fechadas que o técnico, Frank Rijkaard, programou para esta manhã. Ronaldinho Gaúcho será submetido a novos exames médicos para tentar descobrir o alcance de sua lesão. O meia-atacante ficou de fora dos cinco últimos jogos do Barça, por causa de dores que o impedem de se exercitar normalmente. No entanto, o departamento médico do Barcelona divulgou, em 17 de março, um comunicado no qual assegurava que, após realizar uma ultra-sonografia no jogador, não foi capaz de detectar nenhum tipo de lesão. Além de Ronaldinho Gaúcho, outro que deve ficar de fora da partida de domingo é o meia brasileiro naturalizado português Deco, quem ontem voltou a reclamar de dores na perna direita, e hoje realizou exercícios em separado do grupo. O zagueiro argentino Gabriel Milito, que se recupera de um problema no púbis, também realizou trabalhos específicos, e não teve sua escalação confirmada pelo técnico Rijkaard.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.