Ronaldo bastante feliz com a estréia vitoriosa no Milan

O atacante brasileiro Ronaldo, que estreou neste domingo com a camisa do Milan na vitória por 2 a 1 sobre o Livorno no Estádio San Siro, pelo Campeonato Italiano, disse ter gostado de sua atuação. "Diríamos que foi tudo bem. Tudo é diferente e ainda devo aprender muito com este grupo, mas foi um início que me agradou", disse o jogador logo após a partida. Ronaldo, que vestirá a camisa de número 99 nesta temporada, entrou aos 17 minutos do segundo tempo, no lugar do também brasileiro Ricardo Oliveira. A última partida de Ronaldo por um clube italiano foi em 5 de maio de 2002, na derrota de 4 a 2 da Inter para a Lazio que significou a perda do título italiano daquela temporada. O brasileiro não pisava no San Siro por um clube italiano desde 28 de abril de 2002, na vitória de 3 a 1 sobre o Piacenza - partida em que marcou seu último gol pela Inter. "Chega de perguntas sobre a Inter, cheguei aqui após quatro anos e meio no Real Madrid. Penso na partida e agradeço a todos meus companheiros porque não foi fácil chegar e jogar imediatamente. Eles me conhecem, mas precisamos nos adaptar", afirmou. Para Ronaldo, tudo teria sido melhor se ele balançasse as redes. "Um chute meu foi por pouco, mas estou feliz. É apenas o início. Certamente os gols virão, mas o que mais me interessa é vencer e ser feliz", completou o brasileiro. O jogador reconheceu também que, no jantar que teve há alguns dias com Silvio Berlusconi, presidente e proprietário do Milan, ele não pediu nada de concreto, apenas "para não voltar a raspar o cabelo e, principalmente, marcar muitos gols".Elogios do ´chefe´O técnico Carlo Ancelotti gostou da atuação do atacante. "Ele jogou meia hora, teve três chances, chutou bem de fora da área e soube se livrar da marcação. Deve melhorar sua condição física, mas acho que é um jogador que será muito importante para nós", disse, após a partida. "Ainda falta ritmo, mas o resto é o de sempre: muito rápido, explosivo e com uma técnica única", completou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.