Ronaldo chega para passar Natal no Rio

"Vai ser o Natal mais feliz da minha vida." Essa é a expectativa de Ronaldo sobre a festa que vem sendo preparada há alguns dias por sua mãe, Sonia, e as tias Dirce, Vanda e Néa. O craque do Real Madrid chegou neste domingo cedo da Espanha, bem-humorado e ainda sob o efeito dos últimos prêmios e títulos. "Foi um ano maravilhoso, tenho que comemorar e espero que em 2003 seja igual." Ele pretendia descansar um pouco para depois fazer as compras de Natal. A mulher, Milene, e o filho Ronald ficaram em São Paulo, na casa de seus sogros.No saguão do Aeroporto Tom Jobim, muita gente aguardava parentes e amigos e não sabia que num dos vôos internacionais que acabava de aterrissar no Rio estava o melhor jogador do mundo. Tão logo cruzou o portão de desembarque, Ronaldo transformou o local num alvoroço.Taxistas, funcionários do aeroporto e de companhias aéreas deixaram o trabalho de lado e quase impediram sua passagem. Queriam autógrafos, fotos ou apenas trocar uma palavra com o ídolo.A confusão foi tanta que Sonia só conseguiu falar com ele dentro do carro. Ronaldo deve voltar a Madri no dia 28, por causa de compromissos com o clube. Mas quer aproveitar bastante o curto período no Rio.Para o Natal mandou contratar um Papai Noel. Vai fazer a ceia apenas com a família e dispensou serviço de buffet. Os pedidos às tias foram revelados por Sonia. "Ele adora ouvir as fofocas das minhas irmãs e também da comida que elas fazem. Pediu à Dirce, bacalhau gratinado; à Vanda, rabanadas; e à Néa, pernil assado."O Natal será na casa de Sonia, com 50 parentes, longe do condomínio Golden Green, onde Ronaldo possui uma cobertura e sua mãe sofreu discriminação de uma vizinha dias atrás - polêmica que foi parar na Justiça. "Quero Natal em paz, longe de confusão", disse Sonia. Dia 28, ela seguirá para a Basílica de Aparecida para cumprir mais uma promessa pela recuperação do filho. "São tantas, vou levar dois anos para pagar tudo que pedi à Aparecida." Desta vez, Sonia levará uma pequena medalha de ouro para ser benzida. Depois, vai entregá-la a Ronaldo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.