Ronaldo desafia quem o critica

Uma das coisas que tiram Ronaldo do sério são as observações que, vira e mexe, surgem a respeito de sua condição física. O astro brasileiro não se conforma com os críticos, sobretudo espanhóis, que o consideram acima do peso. Qualquer insinuação de que esteja ?gordinho? é suficiente para magoar o artilheiro do Mundial de 2002. ?Se alguém faz três gols no Manchester, em casa, é porque está no melhor momento da carreira?, comparou Ronaldo em entrevista ao jornal Marca, de Madri, ao relembrar o desempenho que teve na derrota por 4 a 3 que garantiu ao Real vaga para a semifinal da Liga dos Campeões. ?Mas, se no dia seguinte, falha, é porque está fora de forma e gordo?, queixou-se. ?Nesta profissão, o importante é seguir a vida e ficar à margem do que dizem a nosso respeito.?O lamento de Ronaldo se deve a críticas constantes que recebe, desde que desembarcou na Espanha, no começo de setembro de 2002. Em diversas ocasiões, teve de explicar que seu peso está ?normal? e que tem apenas massa muscular. Nem os gols, marcados com regularidade, serviriam para tirar essa impressão. ?Se alguém acha que estou gordo, então que prove?, desafiou, nas declarações ao diário esportivo. Ronaldo, no entanto, procurou mandar ressentimentos para escanteio ao afirmar que não faz gols ?por vingança?, e sim por alegria. ?Não jogo por vingança, mas por mim e para minha equipe?, adianta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.