Ronaldo: grande atração em Santander

Ronaldo é mesmo a sensação da temporada espanhola de futebol. Neste sábado, o Real Madrid joga com o Racing, em Santander, e, segundo os jornais espanhóis, os ingressos já se esgotaram desde o início da semana. O motivo: ver Ronaldo jogar. Quando o modesto Racing joga em casa, a média de público nesta temporada é de cerca de 15 mil pessoas. Para o jogo contra o Real, 22 mil entradas foram rapidamente vendidas no primeiro dia em que foram colocadas à disposição das torcidas. Segundo informou o Racing, o público será o quinto maior da história do estádio. Segundo funcionários da Federação Espanhola de Futebol, a presença de Ronaldo na equipe, juntamente com craques como Zidane Figo, Raúl e Roberto Carlos, deve aumentar o número de torcedores nos estádios para ver o Real jogar, principalmente quando a equipe for a cidades com menor tradição no futebol espanhol. SEGURANÇA - Segundo o jornal espanhol ?Marca?, desde a chegada de Ronaldo à Madri, a segurança do Real teve que ser reforçada. Mas segundo a orientação da direção da equipe, a segurança não pode impedir o contato entre os jogadores e os torcedores. Para o clube, isolar os atletas seria um sintoma de prepotência, perigoso para um time com tantos craques. CAMISA - A febre por Ronaldo na Espanha ainda se mostra na quantidade de camisas do Real que foram vendidas com seu nome. Segundo a assessoria do time, antes mesmo de jogar, 70 mil camisas foram vendidas com seu nome. Até agora, Ronaldo está batendo todos os recordes de venda e sua camisa é mais procurada que a de Zidane e Raul juntas. E isso porque a camisa 11 do craque custa 100 euros, cerca de R$ 390,00. Apesar de ter iniciado sua participação no Real com o pé direito, Ronaldo terá neste sábado mais uma prova: liderar o ataque contra o Racing. Nem Raul nem Figo participarão da partida e caberá ao brasileiro mostrar que a equipe pode contar com seus gols.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.