Ronaldo joga em Dubai e Pato se prepara para estrear

Fenômeno tem presença confirmada pelo técnico do Milan em amistoso diante dos Emirados Árabes

07 de janeiro de 2008 | 19h01

Está confirmada a entrada de Ronaldo nos gramados de Dubai durante o amistoso do Milan contra a seleção dos Emirados Árabes Unidos. Enquanto isso, o jovem Pato - agora companheiro de clube de Ronaldo, Kaká e Dida - se prepara na Itália para sua estréia, neste domingo, pelo campeonato nacional.   O técnico Carlo Ancelotti espantou definitivamente os rumores que especulavam sobre uma possível transferência do "fenômeno" ao Flamengo. Ancelotti afirmou que vai dar alguns minutos de jogo a Ronaldo, no amistoso em Dubai, que acontecerá nesta terça-feira.   "Ronaldo está bem, em perfeito estado. Essa ida a Dubai caiu bem para nós. Sua condição está notadamente melhor e sua situação com o Milan está esclarecida em 100%. Ele quer jogar neste clube", disse o treinador italiano, nesta segunda-feira.   Já Pato, o craque juvenil brasileiro recém-comprado pelo Milan, treina para tomar, provavelmente, o posto de titular no clube em sua estréia, agora neste domingo, contra o Napoli, no reinício da liga italiana de futebol.   Nesta segunda, Pato participou de breves treinos de prática intensiva, na concentração de Milanello. O jogador trabalhou somente pela manhã, seguindo as ordens do preparador físico Giovanni Mauri.   "Não sei se serei ou não titular, isso depende do técnico; eu espero jogar para concretizar, assim, um sonho que alimento desde que o Milan comprou o meu passe", disse Pato.   Ancelotti está disposto a ajudá-lo a realizar o sonho: o jogador brasileiro está em seus planos, como já havia afirmado, para o jogo contra o Napoli, armando dupla de ataque com Antonio Gilardino.   Contudo, o Milan continua em negociação com a Confederação Brasileira de Futebol, e hoje mesmo tomou providências para que o órgão envie "com urgência" toda a documentação necessária, que habilite Pato a jogar neste fim de semana.

Tudo o que sabemos sobre:
AC MilanRonaldoAlexandre Pato

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.