Ronaldo, no Rio, só temeu por goleada

O atacante Ronaldo, do Real Madrid, cortado da Seleção e que passa férias no Rio de Janeiro (RJ), temeu, no intervalo da partida desta quarta-feira, que o Brasil pudesse ser goleado pelo rival sul-americano. Ele assistiu ao jogo em sua casa, no Rio, e disse que o Brasil teve azar ao levar o primeiro gol logo no início da partida. "Em seguida surgiu o segundo gol e a Seleção não conseguiu se encontrar mais no primeiro tempo", disse. Ronaldo, no entanto, gostou da atuação do time brasileiro na etapa final. "Nós avançamos na marcação, melhoramos o toque de bola e criamos várias chances. O jogo do Brasil é o do segundo tempo", concluiu o atacante, autor dos três gols do Brasil na partida do primeiro turno das Eliminatórias, quando a Seleção venceu por 3 a 1, em Belo Horizonte (MG).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.