Ronaldo recebe o carinho de família e amigos em treino

Cercado por problemas desde que chegou a Königstein, na Alemanha (local de concentração da seleção), o atacante Ronaldo recebeu o carinho de sua família e amigos no treino que o Brasil realizou neste sábado. Sua mãe, Sônia, e seu pai, Nélio Nazário de Lima, foram apoiar o filho, que, depois dos problemas com bolhas e uma febre, ainda se meteu em uma troca de farpas com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.Junto com mais alguns parentes e amigos, dona Sônia, que viu o treino em uma área vip na arquibancada do Zagallo Arena, deu um longo abraço em Ronaldo, além de fazer um cafuné no filho e trocar algumas palavras de incentivo. Já seu pai bateu um papo "de pai para filho", como o próprio Nélio contou. "Ele vai fazer uns oito gols contra a Croácia", afirmou, otimista no desempenho do artilheiro. "O Ronaldo está tranqüilo. Os problemas passaram e ele está pronto para a estréia da seleção", afirmou o pai do Fenômeno. Sobre a troca de farpas de seu filho com o presidente da República, Nélio não quis comentar, mas o próprio Ronaldo - que recebeu uma carta de Lula esclarecendo a situação - contou que "o episódio está mais do que superado".Nélio disse que os parentes e amigos de Ronaldo foram ao treino para dar um apoio ao atacante neste momento, mas como estão hospedados em Munique, que fica a cerca de 4 horas de Königstein, não deverão ir mais aos treinos da seleção. De qualquer maneira, eles estarão em todos os jogos do Brasil, dando forças para a equipe e, especialmente, a Ronaldo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.