Ronaldo treina e deve voltar ao time do Milan no domingo

Recuperação do brasileiro vem em boa hora para Carlo Ancelotti, que não poderá contar com Gilardino

Agência Estado,

07 de fevereiro de 2008 | 19h03

Boa notícia para a torcida do Milan. O atacante brasileiro Ronaldo treinou com bola nesta quinta-feira e, recuperado de contusão muscular, provavelmente será titular ao lado de Inzaghi no jogo de domingo, contra o Siena, em Milão, pelo Campeonato Italiano. Ronaldo entrou em campo pela quarta e última vez na temporada - o Milan já jogou 32 vezes - no dia 23 de janeiro, na derrota por 2 a 1 para a Atalanta. Depois disso, desfalcou o time contra Genoa, Reggina e Fiorentina por causa de uma lesão muscular na panturrilha esquerda - a mesma que o deixou 45 dias fora de combate entre novembro e janeiro. A recuperação do brasileiro vem em boa hora para o técnico Carlo Ancelotti, que no domingo não poderá contar com Gilardino, suspenso, além de Pato e Kaká, ambos machucados. Com Ronaldo e Inzaghi - que ainda não jogou este ano por causa de uma contusão no pé esquerdo e um problema de cálculos renais - em campo, o treinador do Milan terá como opção de ataque no banco o garoto Paloschi, de 18 anos, formado no clube. Pato torceu o tornozelo esquerdo durante a vitória de domingo sobre a Fiorentina (1 a 0, gol dele), mas está se recuperando bem e tem presença garantida no jogo do dia 20 contra o Arsenal, em Londres, na abertura das oitavas-de-final da Liga dos Campeões da Europa. Já Kaká, que foi substituído no mesmo jogo por causa de dores no joelho esquerdo, deve voltar ao time antes disso. "Não jogarei contra o Siena nem quarta-feira contra o Livorno, mas acho que voltarei dia 16 contra o Parma. Convivo com dores nesse joelho já há algum tempo", contou Kaká.

Tudo o que sabemos sobre:
RonaldoAC Milan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.