Roni reclama de salários atrasados

O atacante Roni, do Fluminense, voltou a reclamar dos salários atrasados no clube. O jogador tem contrato com o Tricolor até o dia 31 de dezembro e dificilmente permanecerá no clube na próxima temporada. Ele ainda não recebeu propostas de outros times, embora tenha sido especulado um possível interesse do Flamengo.Já o lateral-esquerdo Leonardo Inácio, do Botafogo, garantiu que não foi procurado pela diretoria do Fluminense. O jogador declarou recentemente o seu desejo de permanecer no Alvinegro para ajudá-lo a voltar à Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro. O técnico do Tricolor, Renato Gaúcho, disse que gostaria de contar com o atleta na próxima temporada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.