Roni sente lesão e será poupado contra o Rio Branco

O atacante Roni já sairia do time para a volta de Kléber Pereira, mas nesta terça-feira ficou decidido que o jogador não ficará nem no banco de reservas na partida desta quarta, contra o Rio Branco, pela Copa do Brasil. Roni sentiu uma lesão muscular na coxa esquerda e não participou do treinamento desta tarde.

SANCHES FILHO, Agencia Estado

17 de março de 2009 | 21h14

"Não chega a ser um problema sério e até daria para ele jogar amanhã (quarta-feira), mas foi decidido que será poupado para concluir o tratamento", disse o médico Carlos Braga. Mesmo assim, o técnico Vágner Mancini não quis garantir que o atacante está vetado para a partida, e preferiu dizer que Roni é uma de suas dúvidas para o confronto.

Se o jogador ainda é uma dúvida do treinador, ao menos Mancini tem duas certezas: as saídas de Roberto Brum e Paulo Henrique para as entradas de Germano e Madson, respectivamente. Uma alteração, inclusive, muito lamentada pelo técnico. "É um pecado. O menino (Paulo Henrique) foi bem contra o Mogi Mirim e espero que ele tenha força para continuar brigando com os outros meias. Que o Paulo Henrique vai ser um grande jogador eu não tenho dúvida", disse.

Nesta quarta-feira, o Santos enfrenta o Rio Branco, na Vila Belmiro, às 21h50 (de Brasília), pelo jogo de volta da Copa do Brasil. Na primeira partida, no Acre, a equipe santista venceu por 2 a 1, podendo até empatar para conseguir a vaga na próxima fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.